Encontro de Famílias na I Feira de Natal do Centro Loyola

No último sábado, 12 de dezembro, o Centro Loyola abriu suas portas para a I Feira de Natal. A programação trouxe um dia com diferentes atividades para toda a família, desde oficinas e contação de histórias, até palestras e apresentações culturais. Durante a Feira também foi feito um pequeno bazar, com peças de artesãos cariocas.

O dia começou com a missa, celebrada pelo padre José Fernandes, SJ. Em seguida, as crianças e pais reuniram-se no auditório para ouvir três histórias contadas pelo escritor Augusto Pessôa, autor dos livros Histórias de Natal (Ed. Escrita Fina) e A Rã e o Boi (Ed. ZIT). Os pequenos ouviram atentos e participaram cantando. Após a contação, eles foram para a Oficina de Presépio em Aquarela, ministrada pelo artista plástico Zé Antônio.

Para os adultos, Luciano Vasques preparou uma palestra sobre a história do presépio, e lembrou desde as primeiras representações de Maria com o Menino Jesus – feitas nas Catacumbas em Roma, nas quais os primeiros cristãos ainda perseguidos reuniam-se para rezar em segredo – até a celebração da natividade promovida por São Francisco de Assis no século XIII, que ajudou a popularizar a arte de montar presépios no mundo todo. O encontro terminou com um momento de contemplação da natividade, a partir da Espiritualidade Inaciana.

A tarde teve mais oficinas de aquarela e de presépios com materiais reciclados e mais contação de histórias, com Maria Clara Cavalcanti, do grupo de contadores Confabulando. Enquanto isso, o padre Jesus Hortal falou sobre o diálogo ecumênico entre judeus e cristãos, com a participação da convidada Diane Kuperman, da Fraternidade Cristão-Judaica. O encontro terminou com uma benção em hebraico e a oração do Pai-Nosso, com um pedido de paz e tolerância para o mundo.

O final do dia ainda reservou momentos especiais para os visitantes da Feira. O Coral da PUC apresentou canções natalinas como En Natus est Emanuel , de Michael Praetorius (1571-1621); White Christma, de Irving Berlin com arranjo de Marum S. Alexander; Boas Festas, de Assis Valente e arranjo de Aricó Junior; e Feliz Navidad, José Feliciano. Por fim, o Projeto Artes da Comunidade Católica Shalom-RJ apresentou um trecho do espetáculo Filho de Deus, Menino Meu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *