O Sudário de Turim

Data: Terças-feiras, 4, 11, 18 e 25 de maio de 2021, das 19h às 21h.

Descrição: Neste curso on-line será feita uma explicação detalhada sobre o Sudário de Turim, que contém a imagem de um homem, em frente e verso, submetido à flagelação e à crucificação, compatível com a narrativa dos Evangelhos sobre a Paixão de Jesus Cristo. Os estudos do Sudário iniciaram-se com a primeira fotografia do tecido, em 1898, tornando-se a partir daí o objeto mais pesquisado de toda a humanidade. O Sudário foi analisado por inúmeras disciplinas como a física, a química, a tecnologia têxtil, a arqueologia, iconografia, botânica, numismática, geologia, microbiologia, palinologia, bem como as ciências médicas – anatomia, fisiologia, hematologia, antropometria e patologia forense. Com frequência nos surpreendemos com novos estudos e novas especialidades que o tem como objeto. A Estatística, por exemplo, provou em 2019, matematicamente, que as amostras enviadas para os laboratórios de Oxford, Tucson e Zurich para a datação do Carbono 14 não eram cientificamente significativas. Nas aulas, serão abordados alguns aspectos da arqueologia judaica para que possa ser feito um link entre os costumes da época e as causas que levaram à condenação de Jesus de Nazaré. Será explicado o que é visto no lençol sepulcral, o percurso histórico até a chegada a Turim e os estudos realizados que mostraram ao mundo os mistérios nele contidos e que até hoje a ciência não pode explicar.

Programa:

I – SUDÁRIO: O que é o Sudário; as marcas sobre o linho, imagem queimaduras, água, sangue; o Sudário nos Evangelhos.
II – O SUDÁRIO NA HISTÓRIA: De Jerusalém a Turim, Edessa, Constantinopla, Lirey, Chambéry , Turim; Imagens de Cristo e Imagens Acheropitas.
III – PRIMEIRA FOTOGRAFIA: REVOLUÇÃO HISTÓRICA: Propriedades da Imagem, negatividade, tridimensionalidade, translucidez, holográfica; STURP e pesquisa científica; Datação C14: conspiração pseudo científica; e estudos mais recentes
IV – SUDÁRIO SEPULCRAL DE JESUS: Arqueologia judaica, práticas judaicas de sepultamento, necessidade do sepultamento, sepultamento na Era Romana; Punição pela Cruz e seus aspectos arqueológicos; Sepultamento de Jesus e as razões para sua morte; Paixão de Cristo através do Santo Sudário.

Professora: Vera Tostes é médica, nefrologista, formada pela UNIRio com Mestrado em Nefrologia pela UFRJ e Doutorado em Fisiologia Renal também pela UFRJ. Durante a JMJ 2013 foi guia da Exposição Quem é o Homem do Sudário, a partir da qual passou a pesquisar e aprofundar-se no tema. Atualmente é Especialista em Estudos Sindônicos pelo Ateneo Pontificio Regina Apostolorum (Roma).

Investimento: R$ 100.

Local: O curso será realizado ao vivo, em modo on-line, através da plataforma Zoom.

INSCREVA-SE AQUI.

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *