Cristianismos Africanos: Limites e Possibilidades Historiográficas

Datas: Dias 10, 14, 17, 21 e 24 de maio de 2018, sempre às segundas e quintas-feiras, das 19h às 21h.

Ementa: Este curso irá trabalhar questões historiográficas em relação à expansão do Cristianismo pelo Norte da África nos primeiros séculos após a ressurreição de Cristo. Neste sentido serão aplicadas as categorias historiográficas de Carlo Ginzburg, nas obras “O Fio e os Rastros: Verdadeiro, Falso, Fictício” e “Relações de Força: História, Retórica, Prova”, para analisar o nascimento do cristianismo com base em textos canônicos e não-canônicos, como o material escrito pelas antigas comunidades cristãs primitivas. A proposta é compreender o contexto no qual se originou e difundiu o Cristianismo nascente, bem como sua expansão pós-páscoa de Jesus, especialmente no antigo Norte da África.

Programa:
– Introdução, metodologia e situação do problema;
– Introdução à leitura de Carlo Ginzburg, leitura e discussão do texto;
– Apresentação de uma metodologia possível para a história do cristianismo e história das religiões;
– Aplicação da metodologia;
– Leitura e debate de fragmentos de textos canônicos e não-canônicos que remetem à História do Cristianismo Antigo no Norte da África;

Professor: André Barroso é Doutor em História Cultural pela Unicamp e pela Universidade de Coimbra; Mestre em História Comparada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); Especialista em História do Brasil pela São Camilo e em Gestão de Educação Pública pela Universidade Federal Fluminense (UFF); e Licenciado e Bacharel em Filosofia pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ).

Carga Horária Total: 10 horas/aula. Será emitido certificado para os participantes que frequentarem no mínimo 75% das aulas dadas.

Local: Rua Bambina, 115, em Botafogo. Próximo à estação do Metrô de Botafogo, saída pela rua São Clemente. Há um estacionamento no local.

Investimento: R$ 200.

INSCREVA-SE AQUI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *