Conjunto Música Antiga da UFF apresenta canções de Anchieta

O teatro de Anchieta (1534-1597) foi escrito para ser encenado nas praças, nas festas, em frente das igrejas. Os atores eram os colonos, os índios e a intenção era ensinar a moral cristã. Os Jesuítas aprendiam a língua indígena e ensinavam as línguas europeias aos índios, além da religião cristã. Sua ação didática fazia uso do teatro e da música como ferramentas de ensino e conversão ao cristianismo. Os primeiros textos literários produzidos no Brasil foram compostos sobre músicas populares procedentes do cancioneiro e romanceiro peninsular, cujas letras eram mudadas “para o divino”. Essa prática, foi frequentemente utilizada por Anchieta e pelos primeiros missionários. (Fonte: Conjunto Música Antiga da UFF)

Este vídeo traz um trecho da apresentação do Conjunto Música Antiga da UFF, por ocasião da Festa de Anchieta, realizada no Centro Loyola de Fé e Cultura PUC-Rio, no dia 11 de junho de 2016. As canções são, respectivamente, Venid a Sospirar e Mira Nero de Tarpeya, ambas de compositor anônimo do século XVI, com letras de São José de Anchieta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *